11.12.11

Woolfest, no por aí lido e até à data, primou no passa palavra em torno de três intervenções e na procura de alguma dinamização paralela.

Adoraria conhecer o trabalho de levantamento que (eventualmente) estará a ser feito quanto ao impacto deste pequeno (que se deseja que cresça, até ficar gigante) festival, nomeadamente:
- existe alguma variação imediata no volume de visitantes e de negócios (consumo local)?;
- se na medição sistemática a médio prazo, verifica-se alguma variação de vv de vn;
- qual a resposta da população, do comércio, dos visitantes e quais as suas expectativas para a futura edição.
Mas a lista é extensa (penso na sustentabilidade deste projecto, ainda que na sua missão a Wool somente mencione o aspecto cultural).

Pessoalmente, não gostaria que ocorresse o mesmo que em Lisboa: uma (aparente) mera contratação de artistas para cobrir os edifícios devolutos, incorrendo o risco de tornar estas pinturas murais banais e descontextualizadas - pintar por pintar, não me parece o caminho que se deva percorrer.
 


Sem demérito aos restantes, admito que ARM Collective continua a surpreender-me: conseguiu (acredito que conscientemente ao ver a imitação das arestas dos azulejos e outros detalhes cuidados) uma valorização fabulosa da envolvência, ou seja, do equipamento religioso anexo - é um autentico rio de luz criado naquele pequeno largo onde nada se apresenta como estático.

 

 

- ARM Collective -

 

Pena o estacionamento em frente destes dois edifícios, quebrando assim esta noção de conjunto.

Não estando ainda disponível pela organização um roteiro, deixamos um gatafunhado, com algumas (apagámos outras) orientações, aos interessados (o mapa suporte, encontra-se na CMC).

Descubram o resto, ora! Papinha toda feita, não? :)

 

 

Os "oficiais", encontram-se assinalados com círculos no mapa gatafunhado: ARM Collective [Portugal], VHILS [Portugal], BTOY [Espanha].

 

 

- Btoy Andrea -

 

- uriginal -*

 

- Tiago Barreiros (regg) + João Maurício (violante) -*

*Identificação por Wool

 

Pode ser que na próxima, se proporcione uma visita mais... activa.

link do postPor suburbe, às 17:23  comentar

De Maluca Yarnbombing a 18 de Março de 2012 às 17:14
portugal street artist are very very good. I saw a lot of great work there. respect for everyone!



O Suburbe não surge para relançar a discussão ou desmistificar o conceito de cultura/ intervenção urbana.

Somos autoras das fotografias não das intervenções.

Isto é um blog, logo, as impressões eventualmente espelhadas são pessoais.


Para qualquer devaneio, existem as caixas de texto...




 
comentários recentes
Achei este blog bastante interessante e queria seg...
Mário Belém, Pedro Soares Neves, Vanessa Teodoro, ...
El St e Dalaiama :) obrigado pela foto, vocês cont...
Parabéns!Este site é espectacular, as fotos são ex...
It is sad that they are gone. Really want to come ...
Unfortunately, they didn't survided long. :(Hope f...
portugal street artist are very very good. I saw a...
Wow! It's so nice to see my diabinho here. thanks!...
grazi.
posts mais comentados
7 comentários
4 comentários
4 comentários
3 comentários
arquivos
2012:

 J F M A M J J A S O N D


2011:

 J F M A M J J A S O N D


2010:

 J F M A M J J A S O N D


2009:

 J F M A M J J A S O N D


2008:

 J F M A M J J A S O N D


2007:

 J F M A M J J A S O N D


coisas e cenas


Licença Creative Commons

visitor stats

hit counter