8.4.07

 

/Marquês de Pombal, Lisboa (Abril.07)

por jornal Público.

 

link do postPor siri, às 12:01  comentar

De Zé da Bura o Alentejano a 20 de Abril de 2007 às 17:14
O cartaz dos "Gatos Fedorentos" foi muito bem conseguido como concluo no # 4.º)

Os estrangeiros, porque se encontram em situação de fragilidade aceitam qualquer trabalho com vencimentos e condições de trabalho impensáveis para qualquer português: chegam a trabalhar sete dias por semana, durante dez horas por dia, tudo isto por cerca de 400 euros. Assim, não há concorrentes nacionais para esses empregos.

Mas porque aceitam estas condições de trabalho?

1.º) Estão num país estrangeiro e, como, já disse, numa situação de fragilidade. Estão também, em geral, ilegais e buscam a via da legalização através de qualquer um emprego em Portugal e aceitariam trabalhar de borla, a troco de alimentação até o conseguirem.

2.º) Consideram esse emprego como temporário e o salário de qualquer trabalho aqui mal remunerado é muito superior ao que poderiam auferir no seu país, em virtude das diferenças de câmbio da moeda;

3.º) Os familiares e os amigos estão longe, não testemunham as condições de trabalho e os sacrifícios que têm que suportar, porque com um modesto salário português a sua sobrevivência aqui é muito difícil: Por isso, têm que viver em comunidades, amontoados às dezenas em apartamentos que se destinariam a uma só família.

4.º) Constituir cá família e ficar por cá nem pensar... Daí o cartaz dos "Gatos Fedorentos" no Marquês de Pombal ser bastante mais corrosivo do que o colocado pelo PNR.

5.º)O objectivo é o de amealhar o máximo de Euros, o mais rapidamente possível, e regressarem aos seus países de origem.

6.º) Quando regressarem poderão então converter o dinheiro amealhado na moeda do seu país e será então a altura de ‘começarem verdadeiramente a viver’ e de realizarem os seus sonhos: casar, ter a uma casa e a sua independência financeira.


De Ruben a 21 de Abril de 2007 às 22:20
tem toda a razão. tada a gente tem direito a mudar de pais de origem para conseguir melhores condições de vida



O Suburbe não surge para relançar a discussão ou desmistificar o conceito de cultura/ intervenção urbana.

Somos autoras das fotografias não das intervenções.

Isto é um blog, logo, as impressões eventualmente espelhadas são pessoais.


Para qualquer devaneio, existem as caixas de texto...




 
comentários recentes
Achei este blog bastante interessante e queria seg...
Mário Belém, Pedro Soares Neves, Vanessa Teodoro, ...
El St e Dalaiama :) obrigado pela foto, vocês cont...
Parabéns!Este site é espectacular, as fotos são ex...
It is sad that they are gone. Really want to come ...
Unfortunately, they didn't survided long. :(Hope f...
portugal street artist are very very good. I saw a...
Wow! It's so nice to see my diabinho here. thanks!...
grazi.
posts mais comentados
7 comentários
4 comentários
4 comentários
3 comentários
arquivos
2012:

 J F M A M J J A S O N D


2011:

 J F M A M J J A S O N D


2010:

 J F M A M J J A S O N D


2009:

 J F M A M J J A S O N D


2008:

 J F M A M J J A S O N D


2007:

 J F M A M J J A S O N D


coisas e cenas


Licença Creative Commons

visitor stats

hit counter